Blog

Você sabe quais são os principais posicionamentos de uma cama hospitalar?

Produtos que visam facilitar o atendimento de enfermeiros e cuidadores a acamados, sempre fornecendo segurança, tranquilidade e bem-estar.

10 de setembro

Equipamentos dedicados para dar suporte, translado, conforto e segurança à pacientes em suas residências ou em hospitais, nos mais diversos tipos de ambientes como: enfermarias, unidades de terapia intensiva, recuperação pós-anestésica, entre outros.

Posição Fowler
É uma posição da cama hospitalar em que o paciente fica semi-sentado, em que a cabeceira fica posicionada entre 30° e 90°.
 
Posição Semi-fowler
Neste caso a cabeceira da cama hospitalar é posicionada em um ângulo de até 30°.
 
Finalidade deste posicionamento:
Reduzir a falta de ar, drenagem do pulmão, auxilia na recuperação de cirurgias abdominais, prevenção da aspiração de líquidos e secreção e em pacientes com nível de consciência reduzidos;
 
Posição Sentado
Posicionamos o apoio das costas da cama hospitalar em 90° desta forma o paciente ficará sentado na cama.
 
Finalidade deste posicionamento:
Coloca-se o paciente sentado na cama hospitalar quando o objetivo do tratamento é melhorar a ventilação pulmonar.
 
Posição vascular
Este posicionamento é aquele no qual a região das pernas é elevada fazendo com que as pernas fiquem em uma altura maior em relação ao tronco, com uma leve flexão do joelho e quadril.
 
Finalidade deste posicionamento:
Em muitos casos o paciente acamado sofre com a baixa circulação nos membros inferiores ocasionando o edema (inchaço), e o surgimento de feridas (escaras), com a cama hospitalar na posição vascular ou elevação das pernas, consegue-se diminuir essas complicações.
 
Trendelemburg
Consiste em colocar o paciente em decúbito dorsal com a bacia mais elevada do que os ombros e a cabeça. 
 
Trendelemburg Reverso
É uma variação da posição de decúbito dorsal, onde a parte superior do dorso é abaixada e os pés são elevados.
 
Para facilitar no cuidado ao paciente, tem-se a cama com elevação e descida do leito, sendo possível o paciente acessar a cama com mais facilidade ou mesmo o cuidador retirar o paciente com ela rebaixada e fazer higienização com a cama mais elevada evitando dores nas costas.
Voltar